Toggle Pesquisar

  1. Home
  2. Empresa
  3. Quem somos
  4. A parceria em Portugal

A parceria em Portugal

Ainda antes de 1949, já Jerónimo Martins comercializava em Portugal vários produtos da Unilever. Em Agosto de 1949, aquela relação comercial, transformou-se numa parceria que perdura num exemplo de cooperação comercial até hoje.

A essência do sucesso desta parceria radica no excelente relacionamento, alicerçado no espírito de abertura, confiança e respeito mútuo e orientado por uma visão de longo prazo. Este acordo de parceria resultou nas empresas Fima (constituída em 1949), a LeverElida (desde 1950) e a Olá (desde 1959, na sequência da aquisição da empresa Francisco & Trancoso).

Em 1970, a Olá adquire a empresa Rajá e em 1989 é adquirida a Victor Guedes. Entre 1995 e 1997, o grupo alarga-se com a aquisição das empresas PromalteArkady e Panduave, ambas de produtos de padaria e pastelaria, e com a aquisição da Diversey (uma aquisição a nível mundial pela Unilever), na área da higiene industrial, reforçando a área da então Lever industrial.

Com a aquisição a nível mundial da Bestfoods pela Unilever, em Setembro de 2000, a empresa portuguesa Knorr Bestfoods Portugal foi redenominada de Unilever Bestfoods Portugal. Em Dezembro de 2004 a Unilever e a Jerónimo Martins celebraram um acordo visando a integração da Unilever Bestfoods Portugal na Fima.

Entretanto, os negócios de produtos de padaria e pastelaria bem como o de limpeza industrial são alienados em 2002.

Em 2006 é também é alienado o negócio de alimentos congelados (Iglo).

Em Janeiro de 2007, as empresas Fima, Lever e IgloOlá são fundidas numa só companhia, a Unilever Jerónimo Martins, Lda.

Em 2018 a empresa modifica a sua designação social para Unilever FIMA, um regresso às origens já que FIMA foi a primeira companhia da joint-venture em Portugal sendo um nome respeitado e reconhecido no mercado.

Para além da solidez económico-financeira, o sucesso da Unilever Jerónimo Martins é bem visível na interação estabelecida com os consumidores, clientes, fornecedores e instituições.

Back to top