Há cinco meses, a maior parte das pessoas nunca tinha ouvido falar da Covid-19. Porém, praticamente de um dia para o outro, todas as atenções se viraram para esta doença invisível, mas mortal. E com razão. Eram - e são - vidas que estavam em jogo.

Ao fazê-lo, as atenções desviaram-se de uma ameaça muito maior e permanente para as pessoas e para o planeta: a crise do clima e da natureza.

Por esse motivo, é imperativo redobrarmos os nossos esforços. Porque, embora o tempo não esteja do nosso lado, temos uma janela de tempo para intervir.

É por isso que, hoje, anunciamos um novo conjunto de medidas e compromissos pensados para melhorar a saúde do planeta:

  • Assumimos o compromisso de zero emissões, até 2039, de todos os nossos produtos – desde o fornecimento dos materiais utilizados até ao ponto de venda dos nossos produtos.
  • Lançamos a nós próprios o desafio de estabelecermos padrões ainda mais elevados para proteger os ecossistemas hipercarbónicos, como florestas, pântanos e florestas tropicais, e teremos uma cadeia de fornecimento sem desflorestação até 2023..
  • Capacitaremos uma nova geração de agricultores e pequenos proprietários para proteger e regenerar o seu ambiente.
  • Introduziremos um novo Código de Agricultura Regenerativa a ser seguido por todos os nossos fornecedores, assente no nosso atual Código de Agricultura Sustentável.
  • Até 2030, implementaremos programas de gestão da água em 100 locais de zonas afetadas pela escassez de água e aderiremos à parceria do Grupo de Recursos Hídricos 2030, para definir programas de resiliência à escassez de água.
  • As marcas da Unilever investirão conjuntamente mil milhões de euros num novo Fundo para o Clima e a Natureza, que será utilizado ao longo dos próximos dez anos na promoção de medidas significativas e decisivas.
Ice capped mountains sit behind a lake. The reflection of the mountains is mirrored in the lake

Photo by Unilever employee, Ina Blatt

Estamos a ser mais ousados para podermos ir ainda mais longe

Somos reconhecidos pela ambição dos planos que nos impomos. No mês passado, celebrámos o décimo aniversário do nosso Plano de Sustentabilidade. Com este plano, aprendemos bastante sobre o que resulta e o que não resulta.

E, no ano passado, anunciámos objetivos ambiciosos para manter o plástico na economia circular – mediante reutilização, reciclagem ou compostagem – e impedir que acabe por ser libertado no ambiente.

Os nossos novos compromissos são o próximo passo. E vão mais longe do que já alguma vez fomos.

“Enquanto o mundo enfrenta os efeitos devastadores da pandemia de Covid-19 e se debate com graves problemas de desigualdade,” afirma o CEO da Unilever, Alan Jope, “não nos podemos esquecer de que a crise climática continua a ser uma ameaça para todos nós. As alterações climáticas, a degradação da natureza, a diminuição da biodiversidade, a escassez de água – todos estes problemas estão interligados e temos de os resolver todos em simultâneo."

"Ao fazê-lo, temos de reconhecer que a crise climática não é apenas uma emergência ambiental, tem também um impacto terrível nas nossas vidas e nos nossos meios de subsistência. Temos, por isso, a responsabilidade de ajudar a combater esta crise: enquanto empresa e através da ação direta das nossas marcas".

Acelerar a ação através de um novo Fundo para o Clima e a Natureza

Para acelerar a ação, as nossas marcas investirão conjuntamente mil milhões de euros num novo Fundo para o Clima e a Natureza, que serão utilizados nos próximos dez anos em iniciativas que protejam e melhorem a saúde do nosso planeta. Estas iniciativas poderão incluir projetos de restauração de paisagens, de redução das emissões de carbono ou de reflorestação e de recuperação de habitats da vida selvagem.

Tudo isto assentará sobre o excelente trabalho que já estamos a realizar. Por exemplo a redução pela Ben & Jerry das emissões de gases com efeito de estufa das explorações leiteiras, a defesa pela Seventh Generation da energia limpa para todos e o apoio da Knorr a agricultores para que cultivem alimentos mais sustentáveis.

“A nossa responsabilidade coletiva no combate à crise climática é promover uma redução absoluta das emissões de gases com efeito de estufa, sem nos concentrarmos apenas na compensação – e temos a dimensão e a determinação necessárias para o fazer”, explica Marc Engel, Diretor da Cadeia de Fornecimento da Unilever. "Mas isto não chega. Se queremos ter um planeta saudável num futuro longínquo, também temos de cuidar da natureza: florestas, biodiversidade dos solos e ecossistemas aquáticos.

"Na maioria das regiões do mundo, a inclusão económica e social de agricultores e pequenos proprietários na produção agrícola sustentável é o elemento impulsionador mais importante da mudança capaz de parar a desflorestação, restaurar as florestas e ajudar a regenerar a natureza. Afinal de contas, são eles os administradores da terra. Temos, por isso, de capacitar e trabalhar com a nova geração de agricultores e pequenos proprietários para introduzir uma mudança radical na regeneração da natureza".

Rise for Climate march in San Francisco

Tornar o planeta novamente saudável

A resposta global à Covid-19 deu-nos uma amostra do que pode ser a transformação fundamental. Vimos que somos capazes de realizar uma mudança radical quando compreendemos o que está em causa e quando as pessoas percebem o que realmente é importante para elas.

Enquanto continuamos a combater a pandemia, temos de intensificar e acelerar os nossos esforços para responder aos dois maiores desafios que enfrentamos atualmente: a crise climática e a desigualdade social. E isso exige o envolvimento de todos. Não só dos governos, das empresas e das ONG. Mas de cada cidadão do mundo.

Quem se preocupa com o desenvolvimento humano e a proteção dos recursos da Terra, tem de se preocupar em dar uma resposta cabal às alterações climáticas.

Através dos nossos novos compromissos, queremos fazer ainda mais para ajudar a restabelecer a saúde do mundo natural. E a quem pensar que não é uma ambição que valha a pena, só lhe perguntamos isto…

Em que planeta vive?

Back to top

LIGUE-SE À UNILEVER

Estamos sempre à procura de ligação com aqueles que partilham o nosso interesse num futuro sustentável.

CONTACTE-NOS

Contacte a Unilever e equipas especialistas para encontrar contactos em todo o mundo.

Contacte-nos